×
Notícias

Histórias de superação marcam a programação alusiva ao Outubro Rosa


Fonte: Assessoria de Imprensa
Data de publicação: 15 de outubro de 2018
Crédito da notícia: Gabriela Ribeiro


A quarta-feira, 11 de outubro, foi dedicada à campanha de prevenção e conscientização ao câncer de mama, com atividades o dia todo disponibilizadas para a comunidade. Pelo período da manhã, as equipes da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Desporto, Lazer e Turismo, Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação, Secretaria Municipal de Saúde e Gabinete da Primeira Dama, se uniram na praça municipal para a realização de um pedágio educativo.

O intuito do pedágio é a abordagem às pessoas que passam em seus veículos ou a pé, para compartilhar informações, bem como, colagem de adesivos e distribuição de panfletos explicativos. “A importância do pedágio educativo é a conscientização nas mulheres à prevenção do câncer de mama, pois a maioria não possuí o hábito de ir à Unidade Básica de Saúde, por exemplo, buscar informações ou de realizar exames para o diagnóstico precoce ou até mesmo do autoexame de mama”, destaca a primeira dama, Maria Luiza Tatsch do Amaral.

De acordo com o Ministério da Saúde, anualmente, 60 mil mulheres são atingidas pela doença no Brasil, portanto, para complementar a programação de quarta-feira, além da abordagem educativa sobre a conscientização do câncer de mama, a tarde foi voltada para depoimentos, histórias de superação, apresentações, palestras com os profissionais da saúde da Unidade Básica do município e, também, sorteio de brindes ao público presente.

As alunas de balé do CRAS Esperança, coordenadas pela professora de dança, Júlia Duda Santos, abriu a atividade no Centro de Eventos, Eliseu Pedro Ludwig, apresentação que encantou o público e despertou muitos aplausos, até mesmo, antes da dança terminar. Em seguida, uma história de superação e vitória contra o câncer de mama, inspirou e emocionou todas as mulheres que estavam presentes, de olhos e ouvidos atentos. Quem narrou sua história foi Carolina Lopes Borba, que descobriu a doença quando iria realizar um procedimento de estética, a partir da descoberta, os desafios e os obstáculos foram imensos para vencer a batalha do câncer, e ela conseguiu, com fé, força de vontade e o apoio essencial da família.

Para encerrar a atividade, a equipe de profissionais da Unidade Básica de Sáude, os doutores, Raphael Palma e Célia Melian, bem como, as enfermeiras, Roberta Freling e Jusieli Ruckert, fizeram explanações e atividades práticas para as mulheres, como o autoexame de mama, uma prática simples mas que pode salvar vidas com o diagnóstico precoce.

A programação alusiva ao Outubro Rosa segue durante este mês, com várias atividades como palestras sobre uma alimentação saudável, exame preventivo e autoexame de mama.

© Copyright 2018 - Todos os direitos reservados à Prefeitura de Boa Vista do Incra/RS